Jesus, Manso e Humilde de Coração

Meditação para 19 de Fevereiro

1. Em Nazaré Jesus dá o mais sublime exemplo de humildade. Embora fosse Deus, dispensou as honras que lhe eram devidas, não fez uso do poder de operar milagres, para não atrair os olhos humanos. Contentou-se em se ocupar com trabalhos manuais, rezar e sofrer por nossa salvação. Que contraste entre Ele e ti! Não desejas, muitas vezes, atrair para ti a atenção do mundo? Nunca te afliges, quando não te apreciam tanto quanto julgas merecê-lo?

2. a) Em obediência perfeita ao Pai eterno, Jesus resignou à própria vontade para fazer a de sua mãe e de seu pai nutrício. O Criador obedece às suas criaturas!… Nada te será mais meritório do que te sujeitares deliberadamente aos representantes de Deus.

b) Com paciência admirável Jesus sofreu a pobreza e todas as suas consequências, como o desprezo, a indigência, incômodos, etc. Mostrou, com seu exemplo, ser o caminho do sofrimento o mais curto e seguro para a vida eterna. Acostuma-te a ver nos sofrimentos provas de amor de teu Pai celestial, a reagir só dentro da lei de Deus e a pedir perfeita resignação. É um meio seguro para te sentires sempre feliz.

(Sinzig, Frei Pedro. Breves Meditações para todos os Dias do Ano. 8ª Ed. Editora Vozes, 1944, p. 64)


QUER VER MEDITAÇÕES PARA OUTROS DIAS?
ACESSE A PÁGINA BREVES MEDITAÇÕES PARA TODOS OS DIAS DO ANO



VEJA TAMBÉM:

Escreva seu comentário