VOCAÇÃO DE JESUS!
Deus seja amado com todas as forças de nosso coração e de nossa alma.

17/05/2021


Existem vários comportamentos necessários para se tomar uma decisão difícil, mas há um que supera todos os outros, por ser o comportamento essencial, que não pode faltar. Sete comportamentos são importantes para se tomar uma decisão, mas o oitavo supera a todos.

É IMPORTANTE…

  1. Parar e PENSAR COM CALMA sobre o motivo que lhe CONVIDA OU FORÇA a tomar uma decisão.
  2. ESTUDAR A SITUAÇÃO que convida ou força para escolher opções e tomar a decisão.
  3. Avaliar PRÓS E CONTRAS diante das oportunidades.
  4. Saber o MELHOR MOMENTO de escolher e decidir o que se quer e vai fazer.
  5. Ter um bom CONHECIMENTO DE SI MESMO, porque pessoas corajosas agem sob o impulso da coragem; as medrosas, do medo; as prudentes agem sob a prudência; as apressadas agem sob o impulso da precipitação; as imaturas agem sob os impulsos do infantilismo ou da inexperiência de vida.
  6. CONVERSAR com pessoas confiáveis.
  7. Receber um BOM CONSELHO. Quanto a conselhos, não devemos esquecer o princípio bíblico: “Dá-te bem com muitos, mas escolhe para conselheiro um entre mil”. (Eclo 6, 6)
  8. O comportamento mais importante é o comportamento da constante CONFIANÇA EM DEUS.

O comportamento da constante confiança em Deus é um relacionamento de amor com Deus, é o se deixar amar por Deus e amá-lo em correspondência, pois onde existe amor, existe confiança; onde existe confiança, existe amor.

O comportamento de constante confiança em Deus é, também, a vida de oração. Quem ora, cresce em confiança; quem não ora, acredita em superstições.

O procedimento de vigilância sobre si mesmo para crescer em confiança no todo poderoso Senhor, não permitindo que nada venha a diminuir ou roubar esse dom dado por Deus, é também comportamento de confiança em Deus.

Se não crescemos na confiança em Deus, regredimos no dom. Regredir no dom da confiança é crescer na desconfiança. Muita gente diz confiar em Deus, mas prova que não confia pelo comportamento de agir: através do medo, da preocupação, da pressa, da inquietação.  

O comportamento de desconfiança de Deus, consciente ou inconsciente, é uma destruição do amor a Deus, pois onde não existe amor, não existe confiança; onde não existe confiança, não existe amor.

É BOM QUE NOS PERGUNTEMOS SE CONFIAMOS EM DEUS NAS DECISÕES QUE TEMOS DE TOMAR

Qual é a decisão mais importante que você tem de tomar nestes tempos?

É sobre sua profissão? Mudança de emprego? Casamento? Sacerdócio? Se faz ou não aquela cirurgia?  

Suponhamos que seja: mudar de país.

P.S. Leia o exemplo que vamos dar sabendo que, por ele, não estamos concordando, discordando ou orientando ninguém a tomar uma decisão, ou voltar atrás na decisão, se já a tiver tomado. O objetivo aqui é meditarmos na imprescindível necessidade que temos de, durante a vida, CONFIARMOS TOTALMENTE EM DEUS nas decisões que temos de tomar. O foco do assunto é a confiança em Deus.

DIVERSAS SÃO AS DECISÕES QUE TEMOS DE TOMAR NA VIDA

Algumas pessoas acertam (outras erram) nas decisões tomadas. Atualmente, muitas pessoas estão se sentindo pressionadas para tomarem uma decisão: a de se mudarem do país, ou do estado, ou da cidade em que moram, devido ao que está acontecendo no mundo: a pandemia; e devido ao modo de como ela está sendo manipulada pelos governantes de maioria anticristã.

Muitas pessoas no mundo tomaram a decisão, outras estão pensando, outras se preparando, para irem embora de seus países. Algumas pessoas estão saindo do Brasil; outras, de outros países, estão vindo para o Brasil. As pessoas que já foram embora e as que estão se preparando para também irem embora de seus países deveriam pensar, em oração, não só no motivo que as fez ou está fazendo tomarem essa decisão; elas deveriam se perguntar se a decisão foi ou está sendo tomada por medo, preocupação, pressa e influência negativa.

Se tomou a decisão por um destes motivos, errou por se deixar levar por negatividades, e assim não tomou uma decisão EMBASADA NA CONFIANÇA EM DEUS. Não é sensato tomar decisões sem que elas estejam inteiramente fundamentadas em Deus.

Quem toma decisões na pressa (sem oração, jejum e confiança em Deus) irá para onde Deus NÃO mandou ir; seguirá seu caminho e sua vontade e não o caminho e a vontade de Deus.

Quando tomamos decisões, devemos sondar nossos corações para saber o que realmente nos motiva a decidir; saber se estamos colocando nossa confiança em nós mesmos, nos argumentos dos outros ou no Senhor.

“Põe tua confiança no Senhor, e segue os seus caminhos. Ele te exaltará e possuirás a terra; a queda dos ímpios verás com alegria”
(Sl 36,34)

Oremos, jejuemos, façamos sacrifícios diante de necessidades e pedidos importantes, pois “A confiança que depositamos Nele é esta: em tudo quanto lhe pedirmos, se for conforme à sua vontade, ele nos atenderá.” (1Jo 5,14)

TEM ALGUÉM ME INFLUENCIANDO NA DECISÃO DE MUDAR DE PAÍS?

Devemos ter bastante cuidado com os influenciadores de decisões, principalmente nestes tempos de cumprimentos das profecias bíblicas, das profecias de santos como São Pio de Pietrelcina, Santo Ângelo; e das profecias contidas nas mensagens de Nossa Senhora, como as dadas aos três pastores em Fátima-Portugal, as mensagens de Garabandal e de Medjugorje.

Se alguém influencia você, por ser seu amigo, por ser alguém que você tem muita consideração, por ser um familiar ou por ser convincente no que diz, pense e pergunte-se!  Como é o caráter, qual é o estado psicológico e espiritual da pessoa que está influenciando a mim e a outros para mudarmos de país, ou tomarmos essa ou aquela decisão?

Para uma decisão séria como essa, o principal influenciador, condutor e conselheiro deve ser Deus, pois só Ele conhece qual o lugar seguro na terra nestes tempos. Muitos brasileiros foram (outros estão se preparando para ir) morar na América do Norte ou na Europa, com medo do comunismo que está crescendo e se fortalecendo no Brasil. Porém, muitos que pretendem ir, estão esquecidos de perguntar a Deus se o país para onde estão se mudando é um dos países que vai ser duramente castigado.

O castigo de Deus não vai ser em apenas um país. Todos os países serão castigados; a diferença é que uns sofrerão penas mais severas. A justiça divina pode ser abrandada, mas não pode deixar de existir. A justiça que decretou bênçãos para quem pratica os Mandamentos de Deus é a mesma justiça que decretou castigos para quem não as cumpre.

No Livro do Deuteronômio, capítulo vinte oito (Dt 28), Deus fala sobre as bênçãos e as maldições: bênção para quem cumprir os Mandamentos, maldição para quem desobedecer.


BÊNÇÃOS

“Se obedeceres fielmente à voz do Senhor, teu Deus, praticando cuidadosamente todos os seus mandamentos que hoje te prescrevo, o Senhor, teu Deus, elevar-te-á acima de todas as nações da terra. Estas são as bênçãos que virão sobre ti, e te tocarão, se obedeceres à voz do Senhor, teu Deus.”
(Dt 28, 1-2) 

PS: Depois, leia ou releia, em Deuteronômio, as bênçãos prometidas por Deus.


MALDIÇÕES

“Mas se não obedeceres à voz do Senhor, teu Deus, se não praticares cuidadosamente todos os seus mandamentos e todas as suas leis que hoje te prescrevo, virão sobre ti e te alcançarão todas estas maldições…”
(Dt 28, 15)  

PS: Leia ou releia, depois, em Deuteronômio, sobre as maldições prometidas por Deus.


Existem pessoas dizendo que isso era lei do Antigo Testamento; que Jesus, no Novo Testamento, veio pregar o amor e a misericórdia; que essa Lei do Deuteronômio não está mais válida. Digo a essas pessoas que elas estão enganadas. Primeiro, porque Deus sempre falou e ofereceu amor e misericórdia, desde que criou o homem sobre a terra. Segundo, pelo que Jesus diz sobre todas as Leis de Deus: “Não julgueis que vim abolir a lei ou os profetas. Não vim para os abolir, mas sim para levá-los à perfeição”. (Mt 5,17)

Exemplos de aperfeiçoamento da Lei feita por Jesus: 

  • Cancelamento da obrigatoriedade da circuncisão. 
  • Cancelamento da lei olho por olho, pela Lei: “Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; perdoai, e sereis perdoados;” (Lc 6,37)

A Lei é: “perdoai, e sereis perdoados”. Não é: você será perdoado, se pedir perdão, mesmo que não tenha perdoado quem lhe ofendeu. Jesus é bem claro: “Se perdoardes aos homens as suas ofensas, vosso Pai celeste também vos perdoará. Mas se não perdoardes aos homens, tampouco vosso Pai vos perdoará”. (Mt 6,14-15) 

Quer dizer: se alguém pede perdão a Deus de seus pecados, mas não perdoa quem lhe ofendeu, irá para o inferno quando morrer. A Justiça Divina considera justa a condenação de tal indivíduo, pois a pessoa quer ser perdoada, mas não quer perdoar.

Como estamos vendo, a Lei de Deus existe e se faz cumprir. Nestes tempos, a Lei de Deus está oferecendo amor e misericórdia. Se a humanidade aceitar e se voltar arrependida, fazendo penitências por causa de seus pecados para Deus, receberá o perdão; virão mais bênçãos sobre todos os países. Porém, se não houver arrependimento e reparação dos pecados, quando terminar esse tempo de misericórdia, virão os castigos para todos os países; de modo que não haverá como resistir ao inimigo e nem para onde fugir.

Se Deus decidiu castigar o país em que você escolheu se refugiar, esse país será castigado; ele NÃO TERÁ COMO RESISTIR. A Palavra de Deus para cada pessoa e cada país que vive sem Temor de Deus é:

“O Senhor por-te-á em fuga diante dos teus inimigos. Se marchares contra eles por um caminho, por sete caminhos fugirás deles, e serás objeto de horror para todos os reinos da terra.”
(Dt 28, 25)

Quando acabar o tempo da misericórdia e começar o tempo do castigo, NÃO HAVERÁ PARA ONDE FUGIR: “O que fugir para escapar do terror cairá na fossa, o que se livrar da fossa será preso no laço. Porque as comportas lá do alto abrir-se-ão e os fundamentos da terra serão abalados”. (Is 24,18)

ONDE ESTÁ A SEGURANÇA DA FUGA: na fuga do pecado ou do país?

Pode ser que a segurança esteja nas duas coisas; primeiro na fuga do pecado, segundo na fuga do país. Mas para que país devemos fugir? Só Deus sabe.


VISÃO DE SÃO JOÃO PAULO II

PROCURAR CONHECER AS PROFECIAS

Quem foi ou vai morar em Jerusalém, ou na Galileia, ou nas regiões da Ásia, da África, em qualquer país da América do Norte ou da Europa deve orar com a revelação que Jesus fez a muitos de seus santos, como, por exemplo, São João Paulo II e Santo Ângelo. 

  • Orar com “A VISÃO DE SÃO JOÃO PAULO II”, na qual  O ISLÃ INVADIRÁ A EUROPA. 
  • Orar com o que Deus falou a Santo Ângelo.

Mons. Mauro Longhi, sacerdote da Prelazia do Opus Dei, amigo pessoal de São João Paulo II, relata uma visão aterradora para a Europa e para o mundo.

Monsenhor Mauro sabia que Jesus falava com São João Paulo II e que lhe dava visões noturnas. Um dia, o Papa lhe falou sobre uma visão que lhe deixou muito pensativo.

Disse o Papa: “Lembre-o aos que você encontrará na Igreja do terceiro milênio: vejo a Igreja afligida por uma praga mortal, mais profunda, mais dolorosa do que a deste milênio”, disse-o em referência ao Comunismo e ao Nazismo. “Chama-se Islamismo. Invadirão a Europa. Vi hordas marcharem do Ocidente para o Oriente”, e descreveu a Monsenhor Mauro, um a um, os países, do Marrocos à Líbia e daí ao Egito, até chegar ao Oriente.

O Santo Padre acrescentou: “Invadirão a Europa, a Europa será arruinada, uma sombra do que foi outrora, como uma lembrança de família. Vocês, Igreja do terceiro milênio, têm o dever de conter essa invasão. Mas não com armas: elas não são suficientes; antes, com a sua fé, vivida integralmente”.

As armas humanas não são suficientes por dois motivos: 

1. Porque “Não são carnais as armas com que lutamos. São poderosas, em Deus, capazes de arrasar fortificações”. (2Cor 10,4)

2. Enquanto os católicos estão, cada vez mais, perdendo a fé; tendo o nome de Deus na boca, mas não no coração; fechando igrejas, divorciando-se, diminuindo o número de filhos e não educando na religião católica os filhos que têm (um ou dois filhos, geralmente); os muçulmanos estão, cada vez mais, fanatizando-se pela religião fundada por Maomé, abrindo mesquitas e tendo muitos filhos (até porque, segundo a lei deles, cada muçulmano pode ter mais de uma mulher). Além disso, são rigorosos em educar seus filhos na lei muçulmana.

Quem andou pelos países da Europa antes da pandemia viu que diversas cidades de cada país europeu, acolheram, de bom grado, milhares de migrantes que professam a fé muçulmana. Muitos desses países já vêm sofrendo, dentro de seus territórios, atentados terroristas por parte dos radicais islâmicos.


CUMPRIMENTO DESSA PROFECIA

A FRANÇA É UM EXEMPLO DO QUE SÓ ESTÁ ACONTECENDO NOS PAÍSES DA EUROPA


ALERTA DOS MILITARES FRANCESES

Os militares franceses alertam o presidente esquerdista, Macron, que a situação no país pode se tornar crítica. Eis um trecho da carta:

“Vocês podem argumentar que não é o papel do Exército dizer isto. Pelo contrário: por sermos apolíticos em nossa avaliação da situação, estamos fazendo uma constatação profissional. Porque temos visto este declínio em muitos países em crise. Ele precede o colapso. Ele anuncia caos e violência e, ao contrário do que vocês dizem aqui e ali, este caos e violência não virão de um ‘pronunciamento militar’, mas de uma insurreição civil”.


MUÇULMANO INVADE IGREJA EM PORTUGAL

Um muçulmano invade, com arrogância, uma igreja católica em Portugal na hora da Missa, a interrompe falando palavras de ódio contra os portugueses e os católicos do mundo.


“INGLATERRA SERÁ ISLÂMICA 100%” – DIZ MUÇULMANO

O estado Islâmico usa a lei sharia para punir quem rouba, bebe bebida com álcool ou comete adultério, com decapitações, apedrejamentos e amputações. Os homossexuais são empurrados de edifícios altos. Escute o que esse muçulmano diz:


79% DOS FRANCESES ACREDITAM QUE ISLAMISMO DECLAROU GUERRA À FRANÇA – DIZ PESQUISA


Em 2017, o site pewforum.org publicou o estudo demográfico: Europe’s Growing Muslim Population (População muçulmana em crescimento na Europa).

Nesse estudo, os autores não têm nenhuma percepção que o crescimento da população muçulmana na Europa foi planejado e vem sendo colocado em ação há muitos anos, juntamente com o projeto de dominação mundial. A leitura, porém, é muito boa a nível de informação. Quem for ler, lembre-se de que o estudo é de 2017 e já estamos em 2021. Desde então, os muçulmanos avançaram muito em seus planos de avanço para a dominação do mundo.


FUGIR PARA ONDE?

PARA QUE PAÍS FUGIR DO TERROR DOS COMUNISTAS, DOS GLOBALISTAS E DOS MUÇULMANOS, E DO QUE VAI ACONTECER NO TEMPO QUE SÓ DEUS SABE?

Quais profecias você conhece sobre o país para o qual você pretende ir? Pessoas de outros países, aterrorizadas com o que lá está acontecendo, estão vindo para o interior do Brasil, porque souberam da profecia de Cimbres.

No Brasil, Nossa Senhora falou, em Cimbres, que o comunismo vai tomar o Brasil se o povo não se converter; que haverá derramamento de sangue nas cidades, mas o sofrimento será menor no interior (no campo).

Quem estará em maior segurança? Os estrangeiros que estão vindo para o interior do Brasil, ou os brasileiros que vão ser estrangeiros em outro país? Eu não sei. Quem sabe? Só Deus sabe.

O que sabemos é que o Diabo tem seu plano e seu homem, para cada país. No Brasil, se o povo brasileiro não fizer penitência dos pecados, o comunismo será o castigo dos brasileiros. Somente a conversão do povo brasileiro para Deus pode deter os planos de Satanás. Caso contrário, esse homem causará o terror nas capitais do Brasil.

Se o povo brasileiro orar, jejuar, fizer penitência, sacrifícios, reparar seus pecados, pode ser que a justiça divina considere isso suficiente e decida que o Brasil não será castigado como iria ser.

NOSSA SENHORA FALA QUE O COMUNISMO TOMARÁ CONTA DO BRASIL SE O POVO NÃO SE CONVERTER

O que estamos fazendo para nos converter e converter outras pessoas, e, assim, evitar que o comunismo se apodere de nossa Pátria? 

Talvez já não se possa evitar, mas com certeza poderemos amenizar os castigos do povo brasileiro. E, quem sabe, ainda se possa evitar?! Como não sabemos, façamos nossa parte: oremos, jejuemos, evangelizemos, façamos sacrifícios e entreguemos nosso país a Deus, por intermédio de Nossa Senhora.

DEUS SEMPRE PEDE ORAÇÕES, JEJUNS E SACRIFÍCIOS

Ofertemos a Deus a reza do Rosário às quatro da madrugada todos os dias. Neste ato, nós estamos dando a Deus DUAS COISAS AO MESMO TEMPO: oração e sacrifício; pois o Rosário é uma poderosa oração, e rezar de madrugada é o sacrifício de acordar numa das melhores horas do sono, para nos penitenciarmos, renunciando ao sono.

Algumas pessoas não conseguem rezar o Rosário completo sozinhas. A estas pessoas, aconselho que façam o seguinte: às quatro da madrugada, digite ‘VOCAÇÃO DE JESUS’ no Youtube, acesse nosso canal e reze conosco.


REVELAÇÕES DE NOSSO SENHOR A SANTO ÂNGELO

(séc. XIII)

“Sabe, Ângelo, Servo meu, a cidade de Jerusalém, a Galileia e toda a terra da promissão, Capadócia e Egito, com muitas regiões da Ásia e da África, passados poucos anos, irão de todo ao poder dos Ismaelitas (muçulmanos): as Igrejas, os Templos que tu vês agora, onde se celebram os louvores divinos, serão destruídos.

As cerimônias, costumes e observâncias dos cristãos em tudo, quase serão reduzidos a nada. E o poder de Maomé e de seus sucessores crescerá sempre mais e atemorizará quase todas as gentes e será, com isto, amedrontada e molestada toda a Europa, e virá fogo, sangue, ruína e quase total destruição, e haverá grande aflição e crescerá o furor e ira sobre os filhos da ingratidão.

Estas coisas virão pela abominação daqueles que edificam Babilônia, dissipam o Santuário e sustentam o povo na maldade, ódio e rancor, e o arrastam à crueldade, desonestidade, malícia e pecado.”

Então, Santo Ângelo disse:

“Quando, meu Senhor, isso há de suceder?”

Cristo respondeu-lhe:

“Quando a Igreja, despojada de seu esplendor, jazer como uma viúva: quando a Cadeira do Pontífice Romano for posta em contradição, quando se levantarem os hipócritas com cor e pretexto de santidade e religião, defraudarem os povos, e a Igreja estiver cheia de seitas, nas quais reinarão a soberba, ambição, luxúria, com todo o esquadrão de seus filhos; quando os príncipes, divididos, guerrearem e um Bispo estiver contra outro, e as mulheres se tornarem ministras em lugar dos sacerdotes e quase seja tirada toda a paz do mundo, e da discórdia nasça a morte; quando os hereges prevalecerem, e a Fé estiver quase extinta e os seus pregadores se derem a vaidades e loucuras; então, meu Eterno Pai mandará o Seu furor e permitirá que os filhos da ingratidão sejam atormentados pelos inimigos do meu Nome. Todas estas calamidades lhes sobrevirão por seus pecados.”


ONDE ESTAREMOS SEGUROS?

Nossa Senhora falou a Lúcia, em Portugal, que o mundo todo será castigado

. Se o mundo todo for castigado, só Deus sabe o melhor e seguro lugar para cada um de seus filhos. Quem encontrará esse lugar? Somente os que confiam Nele.

Quem não confia no Senhor, confia em si mesmo ou em outras pessoas ou no mundo. Quem põe sua confiança no que não se pode confiar, ficará acovardado e confuso. Disse Deus a todos os que esperavam encontrar proteção na Etiópia e no Egito: “Então, aqueles que esperavam na Etiópia e punham no Egito a sua confiança serão amedrontados e confundidos. Os habitantes desta costa dirão naquele dia: Eis aqueles em quem esperávamos, entre os quais queríamos encontrar proteção, procurar auxílio e socorro contra o rei da Assíria! Como nos livraremos deles?”. (Is 20, 5-6)

A proteção, a salvação está em Deus, não em outro país ou em algum lugar dentro do nosso próprio país. A proteção  poderá estar em outro país, outro lugar no nosso próprio país, se Deus o revelar. 

Se Deus disser “foge para aquele país” ou “vai morar em tal cidade” ou “vai para tal localidade de teu país”, então, porque confiamos Nele, devemos ir; porque Deus mandou ir.

Deus mandou José levar Maria e o Menino Jesus para o Egito para o livrar das mãos do assassino Herodes. José não foi para o Egito seguindo uma inspiração própria; Deus lhe falou de modo que ele não tinha dúvidas de que era Deus lhe orientando para seu bem e bem de sua família.

São José mantinha sua alma, sua mente, suas intenções e seu caráter tranquilos, totalmente sob o domínio de Deus, pois não permitia que sua fé e confiança em Deus fossem agitadas, estremecidas, por qualquer dificuldade que fosse. São José tinha guardadas em sua memória as palavras de Isaías e Tobias dirigidas aos israelitas, que indicavam onde estava a proteção, a salvação, o repouso: 

“Aqui está o que disse o Senhor Deus, o Santo de Israel: É na conversão e na calma que está a vossa salvação; é no repouso e na confiança que reside a vossa força.”
(Is 30, 15) 


“Convertei-vos, pecadores, e praticai a justiça diante de Deus, na confiança que vos fará misericórdia”
(Tb 13,8) 


“O Senhor é meu socorro, e nada tenho que temer. Que me poderá fazer o homem?”
(Hb 13, 6)

DEPOSITAMOS NOSSA CONFIANÇA EM DEUS

Tenhamos consciência de que depositamos nossa confiança em Deus. Não a tiremos do lugar sagrado onde Deus a colocou Nele mesmo. Vejamos esse lugar como inviolável. Resistamos, firmes na fé que protege nossa confiança; que, por sua vez, está depositada, crescendo e se fortalecendo em Deus.

Somos pessoas de fé. Não devemos permitir que nossa confiança em Deus seja defraudada. Estaremos defraudando nossa confiança em Deus se nós mesmos, agindo com fraudulência contra nós, decepcionarmos o Senhor, tirando Dele a confiança que Nele depositamos, que demos a Ele.

QUEM NÃO CONFIA TOTALMENTE NO SENHOR, DISPERSA-SE INTERIORMENTE E FOGE DA VONTADE DE DEUS

Quem não confia no Senhor Deus, vive muitos momentos de medo, de preocupação, de angústia, procurando saber o que fazer para encontrar segurança. O Diabo sabe como tirar proveito de pessoas tomadas pelo medo, para sugerir ideias e ações ilusórias de segurança.

No mundo de hoje, o Diabo inspirou aos seus servos que estão nos governos dos países, um projeto que vem sendo trabalhado há décadas na cabeça das pessoas, para que elas troquem sua liberdade pela segurança oferecida pelo estado. Milhões de pessoas estão acreditando na mentira e aceitando trocar sua liberdade pela “segurança”. Quem não confia em Deus está desprotegido e se torna presa fácil de suas próprias fraquezas humanas, dos homens maus e dos demônios.

COMO TERÁ ESPERANÇA EM DEUS AQUELE QUE NÃO CONFIA NELE?

“Terás confiança e ficarás cheio de esperança: olhando em volta de ti, dormirás tranquilo;”
(Jó 11,18) 

A confiança em Deus nos enche de esperança, faz-nos atentos. Uma atenção que vem do espírito de vigilância, não do espírito do medo.

Despreocupados, em paz, dizemos à nossa alma: “fica tranquila, Deus está cuidando de tudo. Fica firme na confiança em Deus que não vês, que está escondido vendo tudo. Espera Nele, mesmo que Ele demore. Ora e diz ao Poderoso Senhor: ‘Creio em Vossa salvação, tenho confiança, nada temo, minha maior força sois Vós, outras forças que me destes são minha fé e confiança em Vós’.” 

“Se todo um exército se acampar contra mim, não temerá meu coração. Se se travar contra mim uma batalha, mesmo assim terei confiança” (Sl 26,3) 


“Esperei no Senhor com toda a confiança. Ele se inclinou para mim, ouviu meus brados”. (Sl 39,2)

Nossa segurança não está em nós mesmos, não está em nossas capacidades ou dinheiro. O rei Davi disse: “Não foi em meu arco que pus minha confiança, nem foi minha espada que me salvou,” (Sl 43,7)

Perguntemo-nos! 

Em quem coloquei meu discernimento, minha confiança e vontade para decidir: no medo dos outros, em meus medos, em mim mesmo, em meus pensamentos, em minhas deduções, em meus conselhos, em minhas forças e capacidades, em meu dinheiro, minhas amizades, meus contatos, ou em Deus?


SITUAÇÕES DIFÍCEIS…

COMO O REI DAVI REAGIA QUANDO ENFRENTAVA SITUAÇÕES MUITO DIFÍCEIS?

Davi dizia a Deus: “Ó Altíssimo, quando o terror me assalta, é em vós que eu ponho a minha confiança”. (Sl 55,4) 

E eu? Como reajo e pretendo reagir em situações muito difíceis?

Se confio no Senhor, não serei tolo nem imprudente; não deixarei de fazer escolhas e tomar uma decisão refletida, mas também não me deixarei comprimir por pressões externas e internas, ameaças, medos e preocupações. Não deixarei levar pela correnteza das inquietações, fazendo escolhas e tomando decisões apressadas e erradas.

Há quem, em momento difícil, sofredor, triste, preocupante, perca a confiança em Deus, faça planos e aja humanamente; mas os que confiam verdadeiramente no Senhor, não só conservam a confiança, mas ainda crescem e fortalecem esse dom, usando a própria dificuldade para crescer e fortalecer a confiança em Deus. 

Diante dos piores sofrimentos, São Paulo dizia: “Sentíamos dentro de nós mesmos a sentença de morte, para que aprendêssemos a pôr a nossa confiança não em nós, mas em Deus, que ressuscita os mortos.” (2Cor 1,9)

NÃO HÁ FELICIDADE, NEM SE CHEGA A ELA SEM CONFIANÇA EM DEUS

A felicidade e a segurança estão em ter maior aproximação de Deus, em se alimentar dos frutos da árvore da confiança que depositamos Nele. Tirar a confiança depositada em Deus, abafar a confiança, agir com pouca confiança, é perder a confiança. 

Sem termos confiança, sem querermos voltar a confiar, nos tornaremos incapacitados para entender as situações humanas à luz de Deus e, pior, ficaremos incapacitados para CRER na Palavra de Deus, nas orientações Dele.

Uma alma sem confiança em Deus fica sem crer na bondade divina e sem senti-la; fica sem ver o caminho que deve seguir. Por quê? Porque, pelo dom da confiança depositada no Senhor, nossa alma se eleva até Ele.

O que vê, sabe ou escuta, a alma que NÃO se eleva a Deus pela falta de confiança Nele? 

“Os que põem sua confiança nele COMPREENDERÃO A VERDADE, e os que são fiéis habitarão com ele no amor: porque seus eleitos são dignos de favor e misericórdia”
(Sb 3,9)


“Põe tua confiança em Deus E ELE TE SALVARÁ; orienta bem o teu caminho e espera nele. Conserva o temor dele até na velhice”
(Eclo 2,6)

Não pôr a confiança toda em Deus, é pôr a confiança nos homens, em si mesmo e nas coisas criadas. Que segurança tem quem confia na insegurança? Que apoio tem quem se apoia em estaca podre? Que salvação existe em quem não pode salvar?

CUIDADO COM A TENTAÇÃO DA FALSA PRUDÊNCIA

Existem tentações diabólicas que têm o objetivo de fazer o católico pensar que está sendo prudente e agindo com confiança em Deus; mas, sem perceber, está agindo levado pela própria falta de confiança, ou pela malícia e esperteza de pessoas sem confiança em Deus.

Podemos classificar essas pessoas em dois grupos: 

  1. O de pessoas boas, bem intencionadas, porém, sem entendimento de que as situações difíceis que convidam a não confiar em Deus são, por outro lado, situações que convidam a confiar em Deus; as pessoas deste grupo são sem entendimento, não confiam em Deus.
  1. O outro grupo é de pessoas realmente maliciosas, que estão agindo com esperteza para tirar algum proveito humano de seus irmãos. Sobre esse segundo grupo, Deus diz: “É por causa de sua própria malícia que cai o ímpio; o justo, porém, até na morte, conserva a confiança”. (Pr 14, 32) “Dente arruinado, pé que resvala: tal é a confiança de um pérfido no dia da desventura”. (Pr 25,19)

PENSEMOS, EM ORAÇÃO…

  • Para quem Deus se revela?
    Deus “se revela aos que não lhe recusam sua confiança” (Sb 1,2).
  • Quem tem fé em Deus, precisa ter confiança em Deus?
    Sim, precisa. “Jesus virou-se, viu-a e disse-lhe: Tem confiança, minha filha, tua fé te salvou. E a mulher ficou curada instantaneamente”. (Mt 9,22)
  • Uma pessoa pode deixar de receber milagres de Deus por falta de confiança Nele?
    Pode. “E, por causa da falta de confiança deles, operou ali poucos milagres”. (Mt 13,58)
  • Quem confia na riqueza, mais do que em Deus, pode cair no inferno?
    Sim, pode. Jesus disse: “Filhinhos, quão difícil é entrarem no Reino de Deus os que põem a sua confiança nas riquezas!” (Mc 10,24)
  • Uma pessoa que tem confiança em Deus pode perdê-la?
    Sim, pode. Por isso, estejamos sempre vigiando e orando. Peçamos a Jesus que Ele faça por nós a oração que fez por Pedro. Jesus orou para que a confiança de Pedro não desfalecesse. Jesus disse a Pedro: “Eu roguei por ti, para que a tua confiança não desfaleça; e tu, por tua vez, confirma os teus irmãos”. (Lc 22,32)

Deus, que é bom, misericordioso e poderoso, abençoe-nos a todos.
J.V.

10 comentários

  1. Louvado seja por essa formação que Deus nos der forças para confiar mais em Deus nesse momento que o nosso Btasil está passando por perseguições políticas e as igrejas do mundo inteiro. Que as nossa orações venha libertar todos os País especial nosso Brasil do comunismo e dos pecados da humanidade.

  2. Formação maravilhosa. Uma riqueza de sabedoria em Deus! Bendito seja Deus pela Vocação de Jesus e Nosso Fundador!

  3. Que sejamos sempre fiéis ao nosso chamado vocacional. Que nada e nem ninguém nós leve a falsas doutrinas. Deus seja o Nosso Tudo, o Nosso Amparo, através da Nossa Vocação.

  4. Palavras santas que norteia para o temor a Deus, que nos direciona e compreender a situação que estamos, ficamos perdidos e com medo. Que bom ter esse local para refletirmos, para ter uma luz em meio há tantos problemas. Ter fé, praticar a fé e ser exemplo de fé é algo que precisamos ter conosco sempre.
    Amém!

  5. Bendito seja Deus 🙏 em tempos tão difíceis onde temos que enfrentar situações, perdas entre outras tribulações, deus vem nós pedir que confiamos nele. Só ele sabe o que vai acontecer com cada um de nós, cabe a nós perseverar, com sacrifício e oração.

  6. Bendito seja Deus por essa formação profunda e esclarecedora.
    Deus nos der a graça de diante de todas as escolhas e decisões de nossa vida, nos deixarmos ser conduzidos pelo Espirito Santo. Que Nossa Mãe Santissima nos instrua a viver a conformidade plena com a vontade de Deus em nossas vidas.

  7. “O pacto que tenho contigo senhor me dá segurança, mas se confio em mim mesmo tu me infusões temores para que de ti jamais me afaste.”J.V

    Bendito seja Deus por nossa vocação, que nos ensina a confiar em Deus,exercendo uma fé viva alimentada ,por tantos momentos de riquezas espirituais que temos vivido aqui.

    Bendito seja nosso Deus e Nossa mãe Maria santíssima.

  8. Que Deus nos dê o seu Espírito Santo todos os dias e em cada situação que se apresenta em nossa vida: que saibamos sempre enxergar a vontade de Deus.

  9. Obrigado meu Deus por nossa igreja católica especialmente os cristãos no especialmente por nossa VOCAÇÃO de jesus onde tem os alguém que se preocupa e orienta nossas almas p salvação eterna que o senhor jv seja cada vez mais abençoado e tds de sua família junto aonossosirnso de VOCAÇÃO 🙏🙏🙌🙌

  10. Deus seja louvado.
    Como estava precisando dessa formação hoje e preciso aumentar minha confiança em Deus.
    Entregar todas às minhas decisões na vontade de Deus .
    Obrigado minha mãe querida quê atendesse minha súplica e deste a resposta hoje nesta formação.

Escreva seu comentário