Em uma conversa com esse amado santo, ao ficar espantado com suas virtudes e desejo de santidade, São João Bosco o chamou de “belo tecido para Deus”. Quem nunca ouviu falar de São Domingos Sávio, que celebramos dia 09 de março, assim que o conhece e é evangelizado por seu intenso amor a Deus e a Nossa Senhora, torna-se imediatamente seu devoto.

Nasceu no dia 02 de abril de 1842 em San Giovanni de Riva, Itália, em uma família de autênticos valores cristãos. Desde pequeno, seus pais percebiam que aquele menino era bem diferente dos demais, pois levava muito a sério a vida de santidade. Recebeu a primeira Comunhão com apenas sete anos, era coroinha e para servir na Santa Missa, esperava o padre fora da Igreja, mesmo debaixo de forte neve.  Escreveu em um caderninho, o seu ideal de vida: 

“Vou me confessar muito frequentemente 
Farei a comunhão sempre que o confessor me permitir. 
Quero santificar os dias festivos. 
Meus amigos serão Jesus e Maria. 
Antes morrer do que pecar.”

(São Domingos Sávio)

Seu desejo de ser sacerdote o leva a Turim. E lá, encontrando o conhecido “Oratório de Valdocco”, conhece São João Bosco.

Quando os dois “santos” se encontram, Domingos pede a Dom Bosco que “o ajude a ser santo”. E  este, impressionado, o responde:

-“Parece-me que temos aqui um bom tecido para Deus”. 

Domingos respondeu: 

-“Eu serei o tecido; o senhor então, seja o alfaiate”. 

E dali nasce uma amizade que os leva a testemunharem um ao outro, seus ideais de amor a Deus e à Maria Santíssima.

Sempre acolhia os jovens que lá chegavam os incentivando à santidade e a serem muito felizes. Era muito fiel aos seus propósitos de vida virtuosa, e devido seu amor à Maria Auxiliadora, após ser instituído o dogma da Imaculada Conceição pelo Papa Pio IX, consagra-se a Nossa Senhora, começando a crescer muito velozmente na virtude. Funda no Oratório, junto com alguns amigos, a  Companhia da Imaculada, de onde surgem inúmeros e fiéis ajudantes de São João Bosco na Obra Salesiana. 

Sempre que era visto, seja na missa, brincando com os amigos ou sozinho em seus recolhimentos com Deus, o achavam parecido com um pequeno santo ou um anjo. E assim, como disse Pio XI, este pequeno, mas gigante de espírito, morre aos 15 anos, acometido de tuberculose, indo para junto de Deus, seu único ideal de vida.

Que São Domingos Sávio seja nosso fiel intercessor e também de nossas crianças, para sermos impulsionados à santidade por seu exemplo e amor a seus dois grandes baluartes: Nosso Senhor Jesus e a Santíssima Mãe de Deus, Nossa Senhora Auxiliadora.

 São Domingos Sávio, rogai por nós.

São Domingos Sávio


Nascimento: 2 de Abril de 1842 – Riva presso Chieri, Itália

Falecimento: 9 de março de 1857 – Castelnuovo Don Bosco, Itália

Sepultamento: Basilica of Mary Help of Christians, Turim, Itália

Beatificação: 05 de Março de 1950 (pelo Papa Pio XII)

Canonização: 12 de Junho de 1954 (pelo Papa pio XII)

Festa Litúrgica: 09 de Março

Padroeiro:
– dos acólitos
– da pureza
– dos jovens e crianças




Escreva seu comentário