No dia 24 de fevereiro do ano 304, morria, por sua fé e amor a deus, um grande homem: são sérgio. sobre ele, pouco se sabe. mas é certo que seu martírio inspirou inúmeros cristãos a empenharem sua palavra de permanecerem fiéis até o fim de suas vidas.

São Sérgio viveu em cesarea da capadócia. antes de se tornar cristão, ele foi um renomado magistrado, ou seja, um juiz romano. na época, para possuir o posto de magistrado no império romano, era preciso muita influência política e dinheiro, e tal cargo rendia bastante lucro para quem o exercia. porém, ao ouvir falar de jesus e sobre a igreja católica, como bom intelectual, são sérgio resolveu informar-se sobre o assunto, pois algo lhe atraía o coração. estudou minuciosamente sobre o cristianismo, e quanto mais ouvia falar, mais se deixava ser conquistado por jesus cristo. converteu-se, foi batizado e renunciou tudo o que tinha: cargo, luxo, amizades, e se dedicou à vida monástica no deserto. passou a ali viver, somente na presença de deus, em oração e sacrifício.

Porém, o século IV foi marcado pelo sangue de muitos mártires. uma violenta perseguição contra os cristãos tinha sido deflagrada pelo imperador diocleciano. para não perderem o cargo e os bens, governadores romanos eram obrigados a seguir as ordens do imperador, que tinha grande ódio dos cristãos. sapricio, governador da capadócia e armênia, atual turquia, sem medir esforços e consequências, cumpria fielmente as ordens de tão cruel imperador.

Então, em uma festa anual dedicada a júpiter, um famoso senador visitava a província. para mostrar ao imperador sua fidelidade às suas ordens, sapricio ordenou que os cristãos fossem levados para a frente do templo de júpiter e obrigados a prestarem culto ao deus romano. caso contrário, seriam condenados à prisão e à morte. chegam então os cristãos, um a um, forçados por uma legião romana.

Enquanto isso, são sérgio encontrava-se ainda no deserto, em oração, quando sentiu no coração o desejo de ir até Cesarea da Capadócia. até então, ninguém mais sequer lembrava dele, e por isso, ele não havia sido denunciado. mas assim que chegou em frente ao templo, todos o reconheceram, e sua presença trouxe inexplicável paz para os cristãos ali presentes.

De repente, após a chegada de São Sérgio, todas as tochas acesas para os sacrifícios a Júpiter se apagaram inexplicavelmente. os romanos logo perceberam que aquele homem que chegara Trazia para eles grande ameaça, e os sacerdotes de júpiter ficaram furiosos. mas sem nenhum temor, São Sérgio começou a pregar sobre a onipotência divina, falando com ardor sobre aquele a quem ele e os cristãos seguiam.

Como já era esperado, São Sérgio foi logo preso, por ordem de Sapricio. foi obrigado a prestar culto a júpiter, mas sem hesitar, são sérgio se negou a cometer tamanho erro, indicando que jesus cristo era o único diante de quem ele se prostraria.

Então, para causar terror entre os cristãos, são sérgio foi decapitado à frente de todos. mas o que deveria ter causado medo nos cristãos, serviu como inspiração aos filhos de deus: o exemplo de um homem que, com tanta firmeza, não temeu, em nenhum instante, sequer entregar a vida por jesus cristo, filho do Deus vivo.

Que pela intercessão de são Sérgio, tenhamos o mesmo ardor e disposição para entregar nossa vida por completo, por nossa fé e por amor ao nosso deus.

São Sérgio, rogai por nós!

São Sérgio

Nascimento: data incerta
Falecimento: 24 de Fevereiro de 304 d.C.

Festa Litúrgica: 24 de Fevereiro


Escreva seu comentário